Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/101
Tipo do documento: Dissertação
Título: A arte de recomeçar: uma compreensão da dinâmica das famílias recasadas
Título(s) alternativo(s): The art of start: an understanding of the dynamics of remarried families
Autor: Costa, Juliana Monteiro 
Primeiro orientador: Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Primeiro membro da banca: Lima, Albenise de Oliveira
Segundo membro da banca: Falcão, Deusivania Vieira da Silva
Resumo: O presente estudo teve como objetivo investigar como um dos membros do casal recasado, há pelo menos dois anos, vivencia essa experiência. A complexidade e a diversidade presentes na estrutura das famílias recasadas, assim como o aumento constante dessa configuração familiar, indica que o modelo de família nuclear ao qual as famílias recasadas são comparadas não é um parâmetro adequado. A literatura consultada ressalta que as diferenças essenciais entre esses formatos de família devem ser consideradas pelos diversos profissionais que trabalham com as novas configurações familiares. Foi realizada uma pesquisa de campo, fundamentada na revisão da literatura, na qual foram entrevistadas oito pessoas que residiam na cidade do Recife. O grupo de entrevistados foi constituído por cinco pessoas do sexo feminino e três do sexo masculino, todos recasados e com filhos de casamento anterior, quer sejam biológicos ou adotivos. A partir da fundamentação teórica e do discurso dos participantes, foram propostas sete categorias de análise. A avaliação do material obtido mostra que os entrevistados tratam o recasamento como uma união de caráter estável, onde partilham não apenas a residência, mas todas as atividades pertinentes a um casal, num casamento reconhecido por lei. Todos os participantes foram unânimes em afirmar que os quatro primeiros anos de convivência são bastante delicados, exigindo do casal maior flexibilidade, atenção e cuidado para que ocorra uma integração familiar. Observamos, também, uma certa dificuldade entre os membros dessa família quanto ao exercício de seus papéis
Abstract: The present study had the purpose to investigate how one of the members of the remarried couple, for at least two years, leaves this experience. The complexity and diversity presents in the remarried family structure, as well as the constant increase of this familiar configuration, indicates that the model o a nuclear family to which the remarried families are compared it is not an adequate parameter. Consulted literature stands out that the essential differences between these formats of family must be considered by the diverse professionals who work with the new familiar configurations. A field research was made based on a literature review in which eight people who inhabited in the city of Recife. The group of interviewed was constituted by five people of the feminine sex and three of the masculine sex, all remarried and with children of previous marriage, either biological or adoptive. From the theoretical recital and of the speech of the participants, seven categories of analysis had been proposed. The evaluation of the gotten material sample that the interviewed ones deal with the remarriage as an union of steady character, where they share not only the residence, but all the pertinent activities to a couple, in a recognized marriage for law. All the participants had been unanimous in affirming that the four first years of contact are sufficiently delicate, demanding of the couple biggest flexibility, attention and care so that a familiar integration occurs. We observe, also, a certain difficulty between the members of this family how to the exercitate each ones function
Palavras-chave: psicologia clínica
família
famílias de pais separados
recasados
família - aspectos psicológicos
casamento - anulação
dissertações
clinical psychology
family
families of divorced parents
remarried
family - psychological aspects
marriage - annulment
dissertations
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: COSTA, Juliana Monteiro. The art of start: an understanding of the dynamics of remarried families. 2008. 115 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/101
Data de defesa: 1-Mar-2008
Appears in Collections:Psicologia Clinica



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.