Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/1158
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorAraújo, Janaina Andrade Tenório-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7617225401525317por
dc.contributor.advisor1Lima, Albenise de Oliveira-
dc.contributor.referee1Cavalcante, Lília Iêda Chaves-
dc.contributor.referee2Macedo, Lucinda Maria da Rocha-
dc.contributor.referee3Fonseca, Célia Maria Souto Maior de Souza-
dc.contributor.referee4Caldas, Marcus Túlio-
dc.date.accessioned2019-09-24T17:52:57Z-
dc.date.issued2019-06-03-
dc.identifier.citationARAÚJO, Janaina Andrade Tenório. Crianças em acolhimento institucional : um estudo sobre as práticas de cuidado à luz da teoria bioecológica do desenvolvimento humano . 2019. 194 f. Tese (Doutorado) - Universidade Católica de Pernambuco. Pró-reitoria Acadêmica. Coordenação Geral de Pós-graduação. Doutorado em Psicologia clínica, 2019.por
dc.identifier.urihttp://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/1158-
dc.description.resumoAo longo do seu desenvolvimento, crianças são afetadas por situações adversas como: violência familiar, pobreza extrema, maus-tratos, orfandade, abandono, negligência, entre outras. Nesses casos, deparam-se com a necessidade de acolhimento institucional, onde as práticas de cuidado e a proteção infantil, antes destinada à família, são conduzidas por técnicos/cuidadores que têm por função construir um cenário que permita o desenvolvimento salutar dos seus acolhidos. Partindo desse princípio, esta tese analisou as práticas de cuidado nos distintos contextos do ambiente de acolhimento, buscando sua contribuição para o desenvolvimento bioecológico da criança. A pesquisa foi de natureza qualitativa, realizada em oito instituições de acolhimento infantil, em Recife e região metropolitana. Participaram do estudo 14 pessoas entre gestores, cuidadores e técnicos. Todos do sexo feminino, com no mínimo dois anos de experiência. Esses educadores, oferecem suporte a crianças de 3 a 6 anos, em situação de acolhimento institucional. Os instrumentos utilizados foram: a entrevista semiestruturada e o questionário de caracterização da instituição. Os dados coletados foram submetidos à análise de conteúdo temática e estatística descritiva, respectivamente. Os resultados permitiram a identificação de um bom relacionamento dos técnicos/cuidadores com as crianças, facilitando o processo de vinculação afetiva; as ferramentas utilizadas por estes foram consideradas educativas, beneficiando as crianças acolhidas por meio de um fortalecimento das relações proximais, gerando confiança mútua e coesão entre os objetivos dos diferentes contextos, por exemplo: escola – instituição; serviços de saúde da comunidade – instituição. Esse resultado em particular, representa uma edificação consistente e de qualidade do mesossistema. Todas as instituições - ofereciam como rotina - acompanhamento escolar, e era constante a utilização dos serviços ou equipamentos presentes na comunidade ao redor das instituições (serviços de saúde, espaços recreativos como: praças, quadras e piscinas), e também de assistência psicológica e social. O processo de capacitação dos educadores acontecia constantemente e o regulamento interno era posto como passível de modificações frente às demandas verificadas, através das trocas promovidas por vivências grupais, que ambicionavam a escuta e a captura de sugestões e opiniões críticas construtivas.. Foi identificado que a rotina das instituições é guiada pelos documentos e órgãos reguladores, contudo, os serviços são adequados de acordo com cada instituição. Isso se deve ao fato de que não há fiscalizações constantes para averiguação dos procedimentos internos das instituições de acolhimento investigadas. Algumas limitações e dificuldades foram apontadas como empecilhos para o favorecimento do desenvolvimento infantil, seriam elas: dificuldades financeiras, estrutura física precária, ausência de um número significativo de apadrinhamentos e voluntariado, falta de uma maior participação do Estado com um suporte quantitativo e qualitativo na rede assistencial, assim como nas capacitações e remunerações dos funcionários. Outro ponto a ser destacado diz respeito ao processo de reintegração familiar, prejudicado por haver bloqueios nas visitas dos familiares às crianças, como por exemplo: dias pré-estabelecidos; visita semestral da instituição à família de origem; consentimento para passar final de semana/feriado/férias com familiares e/ou responsáveis. Isso poderá resultar em uma interferência direta nos processos proximais, que são sustentados pelos princípios da reciprocidade, do equilíbrio de poder e das relações de afeto. Frente a esses resultados, sugerem-se novos estudos, objetivando a ampliação da temática, devido à complexidade das relações que envolvem a instituição, criança acolhida e os técnicos/cuidadores.por
dc.description.abstractThroughout their development, children are affected by adverse situations such as: family violence, extreme poverty, ill-treatment, orphanhood, abandonment, neglect, among others. In these cases, they are faced with the need of institutional refuge, where care practices and child protection, previously intended for family, are conducted by technician/caregivers, whose function is to build a scenario which allows healthy development of their welcomed. Based on this principle, this thesis analyzed care practices in different contexts of host environments, seeking their contribution to child bioecological development. The research was qualitative, carried out in eight child care institutions, in Recife and metropolitan region. Fourteen people participated in this study, among managers, caregivers and technicians. All of them were female, with at least two years of experience. All educators offered support to children from 3 to 6 years old, in institutional reception situation. The instruments used were: semi-structured interview and characterization questionnaire of the institution. Collected data were submitted to analysis of thematic content and descriptive statistics, respectively. Results allowed identification of a good technician/caregiver relationship with the children, facilitating affective attachment process; the tools used by them were considered educational, benefiting the children they received, through a strengthening of proximal relations, generating mutual trust and cohesion among the objectives of different contexts, for example: school - institution; community health services - institution. This result represents a mesosystem consistent building and quality. All institutions offered as routine: school attendance; and it was constant the use of services and equipment present in community around the institutions (health services, recreational spaces - like squares, courts and swimming pools), as well as psychological and social assistance. Educator training process periodically took place, and internal regulations were put in a position to be modified according to verified demands, through exchanges promoted by group experiences, which sought to listen and capture suggestions and constructive critical opinions. It was identified that institution routine is guided by documents and regulatory bodies; however, services are adequate according to each institution. This is due to the fact that there are no constant inspections to investigate internal procedures of the investigated host institutions. Some limitations and difficulties were identified as impediments to child development, such as: financial difficulties, precarious physical structure, lack of significant sponsorship and voluntary participation, lack of greater State participation, with quantitative and qualitative support in network assistance, as well as in employee training and remuneration. Another point to highlight is family reintegration process, hampered by blocks in family visits to children, such as: pre-established days; biannual visit by institution to original family; consent to spend weekend/holiday/vacation with relatives and/or guardians. This may result in direct interference in proximal processes, which are sustained by the reciprocity principles, balance of power, and affective relationships. In view of these results, new studies are suggested, aiming to broaden the theme due to relationship complexity that involves institution, welcomed child and technicians/caregivers.eng
dc.description.provenanceSubmitted by Biblioteca Central (biblioteca@unicap.br) on 2019-09-24T17:52:57Z No. of bitstreams: 2 janaina_andrade_tenorio_araujo.pdf: 1962687 bytes, checksum: 890a5b3d1d86d8a17b94fd50b27ab969 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5)eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2019-09-24T17:52:57Z (GMT). No. of bitstreams: 2 janaina_andrade_tenorio_araujo.pdf: 1962687 bytes, checksum: 890a5b3d1d86d8a17b94fd50b27ab969 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2019-06-03eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPESpor
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Católica de Pernambucopor
dc.publisher.departmentDepartamento de Pós-Graduaçãopor
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUNICAPpor
dc.publisher.programDoutorado em Psicologia Clínicapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/-
dc.subjectPsicologia clínicapor
dc.subjectAssistência à menorespor
dc.subjectCrianças - Assistência em instituiçõespor
dc.subjectCrianças - Desenvolvimentopor
dc.subjectTesespor
dc.subjectClinical psychologyeng
dc.subjectAssistance to minorseng
dc.subjectChildren - Care in institutionseng
dc.subjectChildren - Developmenteng
dc.subjectTheseseng
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIApor
dc.titleCrianças em acolhimento institucional: um estudo sobre as práticas de cuidado à luz da teoria bioecológica do desenvolvimento humano.por
dc.typeTesepor
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
janaina_andrade_tenorio_araujo.pdfTese na íntegra1,92 MBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons