Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/1235
Tipo do documento: Dissertação
Título: O ambiente de consumo e suas implicações na criatividade da criança.
Autor: Silva, Marília Nóbrega da 
Primeiro orientador: Passos, Maria Consuêlo
Primeiro membro da banca: Sampaio, Marisa Amorim
Segundo membro da banca: Lima, Coutinho Costa
Resumo: Nosso momento histórico está marcado pela consolidação de uma cultura do consumo que não reconhece distinções de classe, gênero e faixa etária, impondo a todos um mesmo estilo de vida, cujo imperativo é o consumo. Nesse contexto, as crianças crescem atendendo às diversas imposições que o ambiente de consumo solicita, ajustando-se constantemente a ele. O psicanalista D. Winnicott aponta que o ambiente tem um papel fundante na construção subjetiva da criança, pois, em contextos suficientemente bons, ele favorece a criação de um jeito de ser (self) e se relacionar criativamente com o mundo. Entretanto, se o ambiente for intrusivo, ele acaba sufocando a expansão da criação de si mesmo, ou seja, a criatividade. Assim, essa pesquisa tem como objetivo geral discutir de que maneira o ambiente de consumo pode interferir na criatividade da criança hoje. Iniciamos essa pesquisa construindo uma visão sobre esse indivíduo com base nessa referência psicanalítica. Em seguida, caracterizamos o ambiente de consumo ao qual a criança se relaciona atualmente. Por fim, discutimos as implicações que o ambiente invasivo do consumo tem na criatividade da criança. Para tanto, foi feita uma pesquisa qualitativa, com caráter de revisão teórica e bibliográfica.
Abstract: Our historic moment it’s marked by the consolidation of a culture of consumption that don’t acknowledges distinctions between class, gender and age, imposing to all the same lifestyle, whose imperative is consumerism. In this scenario, children grown up tending to the many impositions that the consumerism environment solicits, adjusting itself to it. The psychoanalyst D. Winnicott points that the environment has a founding nature in the subjective construction of the child, because, in a sufficiently good context, it favors the creation of a manner of self and how to relate creatively with the world. However, if the environment is intrusive, it ends suffocating the expansion of the creation of the self, that is, the creativity. Therefore, this research have as general objective to discuss in what manner the consumerism environment can intervene in the children’s creativity today. We begin this research building a vision about these individual in the basis of this psychoanalytic reference. Then, we characterize the consumerism environment to which the children relates nowadays. Lastly, we discuss the implications that the invasive environment of consumption has in the children’s creativity. For that, it was made a qualitative research.
Palavras-chave: Dissertações
Psicologia infantil
Criatividade
Psicanálise
Consumo
Dissertations
Child psicology
Creativity
Psychoanalysis
Consumption
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Departamento de Pós-Graduação
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: SILVA, Marília Nóbrega da. O ambiente de consumo e suas implicações na criatividade da criança. 2019. 89 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Católica de Pernambuco. Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica. Mestrado em Psicologia Clínica, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/1235
Data de defesa: 28-Jan-2019
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ok_marilia_nobrega_silva.pdfDissertação na íntegra718,9 kBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons