Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/180
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação da qualidade de vida e interação familiar em idosos institucionalizados
Autor: Silva, Bruno Gilberto de Melo e 
Primeiro orientador: Santana, Suely de Melo
Primeiro coorientador: Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Primeiro membro da banca: Barbosa, Leopoldo Nelson Fernandes
Segundo membro da banca: Caldas, Marcus Túlio
Resumo: Introdução: Na fase da velhice, as alterações hormonais, culturais e psicossociais do idoso requerem cuidados adicionais por parte dos familiares, podendo aumentar a demanda por Instituições de Longa Permanência de Idosos, como uma alternativa de suporte para atender às necessidades de saúde e proporcionar atividades que garantam qualidade de vida aos idosos. A literatura aponta que essa mudança no contexto de vida tende a alijar o idoso do convívio familiar e social, prejudicando a sua qualidade de vida. Objetivo: Avaliar a qualidade de vida e a interação familiar em idosos institucionalizados. Método: Trata-se de um estudo de caráter quantitativo e qualitativo, de corte transversal e de prevalência, no qual envolveu uma estratégia de ação em que todos os participantes foram submetidos às mesmas atividades. A amostra foi constituída por 88 idosos residentes em instituições públicas (89,8%), de ambos os sexos (46 homens, 42 mulheres), cuja idade média foi de 73,95 (DP=6,52) variando entre 65 e 93 anos. Os participantes foram agrupados em três faixas etárias: idoso jovem (55,7%), idoso velho (35,2%) e idoso mais velho (9,1%). Foi realizada individualmente uma entrevista e aplicados dois questionários para avaliar a qualidade de vida; WHOQOL_BREF e WHOQOL_OLD. Resultados: Pela extração do alpha de Cronbach a consistência interna obtida do WHOQOL_BREF foi boa (&#945;=0,84) e a do WHOQOL_OLD foi satisfatória (&#945;=0,75), indicando uma adequação desses instrumentos para a avaliação da qualidade de vida nesta população. As médias foram comparadas através do teste t, verificando-se que os escores masculinos foram mais elevados que os femininos em ambos os questionários, sendo esta diferença significativa apenas no WHOQOL_OLD (t= 3,505, p<0,01). Essa significância foi identificada nas facetas atividades passadas, presentes e futuras (t (86)= 3,414, p<0,01) e participação social (t (86)= 2,841, p<0,01), sempre os homens apresentando escores mais elevados de qualidade de vida nas questões existenciais sobre sentido da vida, disposição física, aceitação da aparência, atividades ocupacionais, realizações pessoais, uso do tempo e nível de atividades pessoais e comunitárias. A análise temática de conteúdo foi realizada com 30 entrevistas, sendo escolhidas as respostas dos 15 idosos que apresentaram os escores mais elevados e os 15 menores escores no WHOQOL_OLD. Foram eleitos dois temas principais visão institucional e interação familiar. A visão institucional revelou quatro núcleos de sentido: cuidados, diversão e lazer, novas amizades e bem-estar. A interação familiar evidenciou três núcleos de sentido: manutenção do bom vínculo, conflito ativo e rompimento do vínculo. Discussão: o fator institucionalização não parece ter sido o determinante de uma percepção melhor ou pior sobre a qualidade de vida, pelo fato dos idosos, independentemente do escore obtido, ressaltarem com muita ênfase os aspectos e benefícios advindos da vida institucionalizada, mesmo nos casos em que o afastamento do contexto familiar era mais sentido. Considerações finais: A relação entre a qualidade de vida e interação familiar é o que parece influir mais fortemente nessa percepção, sinalizando a importância de se atentar para a manutenção de um vínculo familiar mais salutar, promovendo ações que minimizem os efeitos deletérios dos conflitos familiares sobre a saúde e qualidade de vida dos idosos.
Abstract: Introduction: In the phase of the senility, the psychosocial, cultural, and hormonal alterations of the elder demand additional cares on the part of the relative, increasing the demand by Institutions of Long Permanence of Elders, as an alternative to support to attend the needs of health and provide activities that guarantee elders quality of life. The literature points out that changing the context of life tend to remove elders of the social and family closeness, injuring its quality of life. Objective: To evaluate quality of life and the family interaction with elders institutionalized elders. Method: This study deals with qualitative and quantitative character, a cross cut and predominance, in which involved a strategic action that all participants were submitted to the same activities. The sample was constituted by 88 resident elders in public institutions (89,80%), of both the sexes (46 men, 42 women), whose average age was of 73.95 years old (DP=6,52) varying between 65 and 93 years old. The participants were grouped in three age groups: young elder (55,70%), old elder (35,20%) and older elder (9,10%). It was carried out individually an interview and applied two questionnaires to evaluate the quality of life; WHOQOL_BREF and WHOQOL_OLD. Results: By extraction of the alpha of Cronbach the internal consistency obtained of the WHOQOL_BREF was good for WHOQOL_OLD was satisfactory indicating an adaptation of those instruments to evaluate life quality in this population. The average were compared through the test t, verifying that the male scores were higher than female score in both questionnaires, being this significant difference barely in the WHOQOL_OLD (t = 3.505, p<0,01). That significance was identified in the future, present, and past activities facets (t (86) = 3.414, p<0,01) and social participation (t (86) = 2.841, p<0,01), always men presented scores of life quality more elevated in the existential questions about life sense, physical arrangement, appearance acceptance, occupational activities, personal achievements, use of the time, community and personal activities levels. The thematic content analysis was carried out with 30 interviews, being chosen answers of 15 elders that presented higher scores and 15 lower scores in the WHOQOL_OLD. Were chosen two main subjects institutional vision and family interaction. The institutional vision revealed four nuclei of sense: cares, fun and leisure, new friendships and welfare. The family interaction showed up three nuclei of sense: maintenance of the good bond, active conflict and bond rupture. Discussion: The institutionalization factor does not mean to have determinant a better or worse perception about the quality of life, by the fact of the elders, independently of the score obtained, stand out with a lot emphasis on aspects and on resulting benefits of institutionalized life, even in cases that the family distance context was more sense. Final considerations: The relation between the quality of life and family interaction is what influence more strongly in that perception, signaling the importance to have of be a more salutary family bond, promoting actions to minimize the harmful effects of the family conflicts about the health and quality of life of the elders.
Palavras-chave: dissertações
psicologia clínica
idosos - cuidado e tratamento
idosos - relações com a família
qualidade de vida
idosos - assistência em instituições
dissertations
clinical psychology
elderly - care and treatment
elderly - family relationships
quality of life
elderly - care in institutions
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: SILVA, Bruno Gilberto de Melo e. Avaliação da qualidade de vida e interação familiar em idosos institucionalizados. 2013. 125 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/180
Data de defesa: 27-May-2013
Appears in Collections:Psicologia Clinica



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.