Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/206
Tipo do documento: Dissertação
Título: A nau das crianças-problema : entre a patologização do sofrimento psíquico na infância e a ética do cuidado na psicanálise
Autor: França, Rafaela Mota Paixão 
Primeiro orientador: Rocha, Zeferino de Jesus Barbosa
Primeiro membro da banca: Passos, Maria Consuêlo
Segundo membro da banca: Kupermann, Daniel
Resumo: As crianças-problema , vistas como expressão do mal-estar contemporâneo, despontam como uma alegoria representativa do lugar destino às dificuldades infantis em nossos tempos. Neste trabalho, fruto de uma pesquisa de natureza teórica, objetivamos problematizar, a partir da análise dos conceitos psicanalíticos de sofrimento psíquico e doença, a patologização do sofrimento psíquico das crianças, com vistas a favorecer a construção de um exercício clínico marcado pela ética do cuidado em psicanálise. Partindo da suposição de que uma sobreposição destes conceitos estaria em relação dialética com as experiências de medicalizar a vida, analisamos como as psicopatologias infantis têm sido organizadas e quais os desdobramentos teórico-clínicos que delas decorrem. Para tanto, revisitamos a noção de infância e infantil na psicanálise, discutindo as operações fundamentais para a constituição psíquica, bem como as formas de produção subjetivas que marcam a infância do século XXI. Com vistas a compreender o que tem sido oportunamente chamado como o melhor das crianças, interrogamos a noção de normalidade na infância refletindo sobre a diferenciação entre ordem normativa e normalidade, saúde e doença, adequação e submissão à vida. Por fim, apresentamos a ética do cuidado em psicanálise como alternativa aos desafios da clínica infantil, defendendo que é necessário romper com esta lógica de patologização do sofrimento psíquico das crianças, frente ao reconhecimento da distinção entre sofrer e adoecer. Destacamos ainda a importância de valorizar a expressão de uma vida saudável entre as crianças, a partir de uma apropriação criativa de si e do mundo.
Abstract: The 'troubled-kids', who are seen as an expression of the contemporary malaise, appear as a representation of the allegory intended to place children's difficulties in our times. In this work, the result of theoretical research, we aim to problematize, from the analysis of the psychoanalytic concepts of psychological distress and disease, the pathology in the psyche suffering of children, in order to promote the building of clinical work marked by the ethics of care in psychoanalysis. Starting from the assumption that an overlap of these concepts would be in dialectical relation to the experiences of medicalization of life, we analyze how the infant psychopathology have been organized and what theoretical and clinical consequences result from it. To this end, we revisit the notion of childhood and child psychoanalysis, discussing the fundamental operations of the psychic constitution, as well as forms of subjective production that mark the childhood of the 21st century. In order to understand what has fittingly been called the best children, questioning the notion of normality in childhood, reflecting on the distinction between normative order and normality, health and disease, adequacy and submission to life. Finally, we present the ethics of care in psychoanalysis as an alternative to the challenges of the clinical child, arguing that it is necessary to break this logic of pathologizing of the psyche suffering of children, against the distinction between suffering and sick. We also highlight the importance of valuing the expression of a healthy lifestyle among children, from a creative appropriation of themselves and the world.
Palavras-chave: dissertações
psicologia clínica
psicanálise infantil
psicopatologia infantil
psicologia infantil
sofrimento - aspectos psíquicos
ética
dissertations
clinical psychology
child psychoanalysis
child psychopathology
child psychology
suffering - psychological aspects
ethics
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: FRANÇA, Rafaela Mota Paixão. A nau das crianças-problema : entre a patologização do sofrimento psíquico na infância e a ética do cuidado na psicanálise. 2014. 123 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/206
Data de defesa: 11-Apr-2014
Appears in Collections:Psicologia Clinica



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.