Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/225
Tipo do documento: Dissertação
Título: Velhice na cultura contemporânea
Autor: Pitanga, Danielle de Andrade 
Primeiro orientador: Rocha, Zeferino de Jesus Barbosa
Primeiro membro da banca: Francisco, Ana Lúcia
Segundo membro da banca: Santos, Maria de Fatima de Souza
Resumo: Esta pesquisa tem como objetivo investigar os modos específicos de envelhecimento no contexto cultural contemporâneo. Levando-se em consideração que cada sujeito envelhece de modo absolutamente singular,podemos, então, dizer que existam inúmeras formas de envelhecer e de velhices. A sociedade contemporânea do consumo, de ritmo veloz e frenético, é marcada por uma cultura da imagem. O corpo é sobrevalorizado e super exigido. O êxito e a felicidade implicam na adesão a modelos calcados no encantamento narcísico, beleza e juvenilidade. No pólo oposto, está a velhice que, inevitavelmente, costuma-se caracterizar com os atributos negativos: decrepitude, nostalgia, degeneração, declínio, obsoletismo e improdutividade.Instaura-se, pois, um cenário que nos leva a pensar na idéia de rejeição e temor ao envelhecer em virtude do mito da eterna juventude . As reflexões acerca do narcisismo exacerbado e do culto ao corpo, instigaram-me a pensar e a interrogar qual seria o lugar reservado para os idosos? Ao que parece, tudo leva a crer que é exatamente o não-lugar . A proposta é tão somente dar vez a esses velhos, ou seja, reservarlhes um lugar e, sobretudo, o desejo de dar-lhes voz , mediante a escuta atenta de seus discursos. Para isso, foram realizadas 06 entrevistas com idosos de ambos os sexos, acima dos 60 anos de idade, de classe média da zona urbana da Cidade do Recife, todos ativos, mantendo algum tipo de atividade intelectual e física.Trata-se de uma pesquisa teórico-clínica, de inspiração psicanalítica, embora também tenha destacado para a discussão, as contribuições mais recentes de autores que se dedicam à temática do processo de envelhecimento e da velhice.Tem o caráter do método clínico, isto porque os fragmentos clínicos de alguns idosos por mim atendidos em consultório e os depoimentos colhidos com os entrevistados foram submetidos à interpretação, servindo, portanto, para ilustrar a teoria
Abstract: The scope of this research is to investigate the specific ways of getting old in the cultural context of nowadays. Taking in account that each individual gets old in an absolutely particular way, we can say that there are several forms of getting old and several kinds of old aged. The nowadays consume society, in a fast and frenetic way is marked by the culture of image. Body is super valorized and requested. Success and happiness imply in the acceptance of models printed in the narcisistic charm, beauty and youth. In the opposite side is the old age that, unavoidably, uses to prior negative attributes: decrepitude, nostalgia, degeneration, decline, obsolescence and improductivity. It is thus created a scenery that leads to the idea of rejection and fear to get old due to the myth of everlasting youth . Reflection over exacerbated narcisism and worship to the body, led me to think and question what would the position to old people be? Apparently, all leads to believe that is exactly the nowhere . The proposal is only to give a chance to these old people, i.e., give them a place , and, above all, the desire of giving them voice , by listening their speeches. To achieve this goal, six interviews were taken with old aged people of both sexes, over 60 years old, of medium class, all of them actives, keeping some kind of intellectual or physical activity. It is a theoretical-clinical research, of psychoanalytic inspiration, despite the most recent contributions of authors that deal with the matter of getting old and old aged, have importance to the discussion. The research has the character of clinical method, because the clinical fragments of some old aged attended by me in consultory and the answers were submitted to interpretation, serving them to illustrate the theory
Palavras-chave: psicologia clínica
envelhecimento - aspectos psicológicos
amor-próprio
narcisismo
imagem corporal
velhice
dissertações
clinical psychology
aging - psychological aspects
self-esteem
narcissism
body image
old age
dissertations
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: PITANGA, Danielle de Andrade. Velhice na cultura contemporânea. 2006. 192 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/225
Data de defesa: 14-Dec-2006
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File SizeFormat 
Danielle Pitanga.pdf611,32 kBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.