Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/253
Tipo do documento: Dissertação
Título: Histórias marcadas na pele
Título(s) alternativo(s): Histories marked in the skin
Autor: Barros, Clarissa Maria Dubeux Lopes 
Primeiro orientador: Queiroz, Edilene Freire de
Primeiro membro da banca: Carneiro, Henrique Figueiredo
Segundo membro da banca: Amazonas, Maria Cristina Lopes de Almeida
Resumo: A presente pesquisa em psicanálise parte da indagação sobre o que leva um jovem a se marcar intencionalmente na pele, através de tatuagens. Ao lado da inscrição cultural com suas produções de pertencimento, a pesquisa formulará uma sistematização teórica e investigativa sobre a realidade psíquica dos jovens que se tatuam. A concepção do corpo, seus significados através de alguns discursos científicos estará contemplado no estudo. No entanto, é a representação psíquica que será problematizada no âmbito da teoria psicanalítica. A escritura na pele será enfatizada também em relação à exclusividade do amor materno através de freqüentes casos de jovens que se tatuam com frases escritas na pele invocando o amor só de mãe . Cabe a indagação sobre a qualidade desta relação, tentando confrontar o caráter factual e mítico na relação do sujeito com a mãe. Através da escuta, a partir de depoimentos colhidos de forma livre, foram entrevistados 7 jovens, entre 16 e 18 anos, originados de classe social baixa e pertencentes a instituições não governamentais que desenvolvem programa de inclusão social, e governamentais destinadas a vigilância da proteção integral do jovem em conformidade com o Estatuto da Criança e do Adolescente. O mecanismo psíquico subjacente ao ato de marcar o corpo revela um importante caminho para compreensão do sujeito frente a questões indissociáveis da existência humana. Entre estar em situação de risco social e produzir riscos na pele, surge uma fronteira, borda, que faz circular os discursos atestando a condição de existência do desamparo e o apelo de uma proteção
Abstract: This research project, referred into psycho-analytical theory, departs from the questioning of what takes a youth to intentionally mark his/her skin with tattoos and similar signs. On the side of the culture inscription with its productions of belonging, the research project will formulate a theorical and investigative systematization about the psychic reality of the youths that have themselves tattooed. The body conception will be contemplated in the study, in meanings through the differents cientific views and its meanings. However it is the psychic representation that will be the problematic in the field of the psycho-analytical theory. Its proper to question the conception of the subject and the language, taking into consideration the language´s dimension steped on the body through phrases and symbols exposed to the other´s eyes. The mark on the skin will be also emphasized in relation to the exclusivity of the maternal love through frequent cases of youths that have themselves tattooed with sentences written in their skin invoking that real love just the mother´s. It´s proper to question about the quality of this relation, trying to confront the factual and mythical character in the subject´s relation with his/her mother. From 7 youths, between 16 and 18 years old, will be listened through the depositions collected form free. These youths are of underpriviledged back-ground and belonged to institutions that develop program of social inclusion, as will as those designated by the state to the minors integral protection in accordance with the brazilian children and adolescent statue. The psychic mechanisms related to the act of making a mark on the body reveals an important way to the comprehension of the subject in the face of questions that cannot be separated of human existence. Being in a social risk situation and make marks on his/her skin, cames up a frontier, an edge, that makes the speeches that testifies the condition to existence of and that appeals for protection circulate
Palavras-chave: psicanalise
psicologia clinica
subjetividade
tatuagem
usos e costumes
clinical psychology
psychoanalysis
subjectivity
tatoo
uses and customs
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: BARROS, Clarissa Maria Dubeux Lopes. Histories marked in the skin. 2006. 144 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/253
Data de defesa: 7-Apr-2006
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File SizeFormat 
Clarissa Barros.pdf3,97 MBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.