Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/263
Tipo do documento: Dissertação
Título: A adolescente de baixa renda em situação de mãe recente: uma representação de família
Autor: Nunes, Marcos Antonio de Andrade 
Primeiro orientador: Amazonas, Maria Cristina Lopes de Almeida
Primeiro membro da banca: Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Segundo membro da banca: Cabral, Maria das Mercês Cavalcanti
Resumo: A família é o primeiro grupo social do indivíduo. Grupo esse que é de grande importância, uma vez que todas as relações sociais futuras o terão como base. A adolescente que se torna mãe vive duas transformações: uma a da própria fase, que lhe possibilita novas conquistas e uma maior independência de sua família de origem; outra, a condição da maternidade que aponta para a formação de um novo núcleo familiar, acarretando responsabilidades para as quais ainda não está devidamente preparada. Este estudo teve por objetivo compreender como a adolescente de baixa renda na condição de mãe recente, representa a família. A nossa pesquisa foi de natureza qualitativa. Participaram doze adolescentes que haviam dado à luz a seus filhos há menos de um ano. Utilizamos dois instrumentos para coleta do material: o primeiro consistiu na aplicação do Teste do Desenho da Família com Estórias (DF-E); e o segundo, a aplicação de uma entrevista semi-estruturada com uma questão disparadora: O que é para você, família? . Com a aplicação do teste e da entrevista foi possível identificar quatro núcleos temáticos: representação de família; configuração de família; o lugar do pai da criança na vida da adolescente e projetos para o futuro. Constatamos que essas adolescentes ainda privilegiam uma representação de família nos moldes da família conjugal tradicional e que há uma associação de sentimentos positivos em relação a ela. Observamos que as adolescentes que contam com o apoio familiar atuam melhor como mães, mesmo que vivam numa configuração de família não tradicional. O lugar do pai continua conservado, idealmente, mesmo que a função se apresente fragilizada. Os planos para o futuro são: voltar a estudar e trabalhar para cuidar melhor do filho. A partir dos resultados obtidos, destacamos a importância de se desenvolver programas junto às escolas, postos de saúde e espaços que trabalhem com adolescentes, com temas voltados à sexualidade, contracepção e família. Assim como, um trabalho com os avós que cuidam de seus netos, no sentido de oferecer orientação e apoio.
Abstract: The family is the first social group of the individual. Group this that is of great importance, a time that all the future social relations will have it as base. The adolescent who becomes mother lives two transformations: one of the proper phase, that makes possible it new conquests and a bigger independence of its original family; another one, the condition of the maternity that points to the formation of a new familiar nucleus, causing responsibilities for which duly it is still not prepared. This study had for objective to understand how the low income adolescent in the condition of recent mother, represents the family. Our research was of qualitative nature. Twelve adolescents had participated who had given to the light its children have less of one year. We use two instruments for the material collection: the first one considered on the application of Test of the Drawing the Family with histories; and the second one, the application of an interview half-structuralized with an initial question: What family is for you? With the test application and the interview was possible to identify four thematic nucleus: family representation; family configuration; the place of the child s father in the adolescent s life and projects for the future. We evidence that these adolescents still privilege a family representation in the molds of the traditional conjugal family and that it has an association of positive feelings in relation to its. We observe that the adolescents who count on the familiar support act better as mother, even that live in a not traditional family configuration. The father s place continues conserved, ideally, even that the function presents fragile. The plans for the future are: come back to study and work to take care better of the son. From the gotten results, we detach the importance of developing programs together to the schools, health s ranks and spaces the work with adolescents, with subjects directed to the sexuality, contraception and family. As well as, a work with the grandparents who take care of its grandsons, in the direction to offer orientation and support.
Palavras-chave: Psicologia clínica
gravidez na adolescência - aspectos psicológicos
família
mulheres - comportamento sexual
adolescentes - comportamento sexual
dissertações
clinical psychology
teenage pregnancy - psychological aspects
family
women - sex customs
teenagers - sex customs
dissertations
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: NUNES, Marcos Antonio de Andrade. A adolescente de baixa renda em situação de mãe recente: uma representação de família. 2007. 210 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/263
Data de defesa: 13-Apr-2007
Appears in Collections:Psicologia Clinica



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.