Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/310
Tipo do documento: Dissertação
Título: Religião e histeria feminina : psiquiatria e religiosidade popular no Recife (1950-1959)
Autor: Mascena, Lúcia de Fátima Cordeiro Pires 
Primeiro orientador: Campos, Zuleica Dantas Pereira
Primeiro membro da banca: Aragão, Gilbraz de Souza
Segundo membro da banca: Miranda, Carlos Alberto Cunha
Resumo: O objetivo dessa pesquisa consiste em analisar aspectos peculiares aos distúrbios mentais psicológicos e emocionais das mulheres diagnosticadas como histéricas na década de 1950, no Hospital de Alienados, na cidade do Recife. A partir daí, entender os discursos produzidos pelos intelectuais das instituições sociais responsáveis pelo destino dessas mulheres, dentro da sociedade. Esse estudo considerou como relevante para essa análise os acontecimentos de um Brasil que absorvia novas ideias oriundas do modelo americano, e vivia em plena efervescência econômica, política e cultural, os chamados Anos Dourados . Nele, o conceito de religiosidade, adotava uma nova configuração. Novas propostas religiosas e também práticas espíritas se multiplicavam e se afirmavam especialmente nas periferias das grandes cidades, para minimizar os conflitos existenciais que atingiam a sociedade, em especial, as mulheres pobres. Embasada nesses aspectos, a pesquisa aponta as mulheres nervosas e confinadas como alvo constante de um sistema político-social discriminatório e repressor que atuava silenciosamente dentro da sociedade. Tais afirmações são demonstradas através dos comoventes relatos transcritos nas suas histórias de vida, Neles, os problemas afetivos econômicos e sociais dessas mulheres se sobressaíam, e as tornavam extremamente vulneráveis aos surtos histéricos. Ressaltamos, também, a importância e o significado das amizades construídas na vizinhança dessas mulheres, que, por sofrerem com a exclusão social e o desamparo das políticas públicas, se identificavam e se apoiavam nas dificuldades surgidas no dia a dia, tendo, na maioria dos casos, a miséria como pano de fundo
Abstract: This research aims al analyzing the peculiar aspects regarding to women‟s mental psychological and emotional disturbs diagnosed as hysterics in 1950 decade, in the Hospital de Alienados - Hospital for lunatics- in Recife city. Hence fonhards, one must understand the discourses made- produced by the social institutions intellectuals responsible for these women‟s fate- destination- withein society. This study- work-has considered has viewed as relevant for this analysis events concerning a certain Brazil- a Brasil‟s type. That was absorbing new ideas arisen from the American way of life and was living in full economical political and cultural effervescence: the so-called the golden years In that model. The concept concerning religiosity was used to adapt a new configuration. New religions proposils as well on spirit practices reproduced- multiplied themselves and adquired their affirmationaffirmed. Themselves specially in the great cities peripheries, in order to minimize the existential problems that affected society, mainly poor women. Based on in these aspects, this research points out the nervous women and the confirmed ones as a constant target for a discriminatory and repressing political-social system that actuated silently within society these affirmations statement are shown up through touching reports transcribed in their life stories. In these reports, their-women affective economical and social problems jut out and made them vulnerable, to hysterical outbreaks. One must emphasize, as well, also the friendships importance and meaning constructed, build up in these poor women‟s neighborhood who as they suffer a lot on account of their social exclusion and public policies abandonment, they identify them selves and give support each other in their difficulties arisen in their day by day lives, having in the majority of their cases misery as a background
Palavras-chave: Hospital Ulisses Pernambucano
psiquiatria e religião
pluralismo religioso - Recife (PE)
histeria - aspectos religiosos
doentes mentais - aspectos religiosos
dissertações
Hospital Ulisses Pernambucano
psychiatry and religion
religious pluralism - Recife (PE)
hysteria - religious aspects
dentally ill - religious aspects
dissertation
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::TEOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Ciências da Religião
Programa: Mestrado em Ciências da Religião
Citação: MASCENA, Lúcia de Fátima Cordeiro Pires. Religião e histeria feminina : psiquiatria e religiosidade popular no Recife (1950-1959). 2011. 104 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/310
Data de defesa: 11-Apr-2011
Appears in Collections:Ciencias da Religiao



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.