Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/82
Tipo do documento: Dissertação
Título: Homem idoso: vivência de papéis durante o ciclo vital da família
Título(s) alternativo(s): Aged man: experience of roles during the vital cycle of the family
Autor: Santos, Ivanilza Etelvina dos 
Primeiro orientador: Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Primeiro membro da banca: Santos, Maria de Fatima de Souza
Segundo membro da banca: Melo, Zélia Maria de
Resumo: Diante do aumento do número de idosos, na população mundial e brasileira, tornase importante a realização de estudos e pesquisas na área que apontem formas eficazes de intervenção e que contribuam para nortear os profissionais das ciências humanas e sociais no atendimento e na implantação de serviços e programas voltados para esta população. Este trabalho constitui uma pesquisa realizada na cidade de Paulo Afonso, interior baiano, com seis idosos do sexo masculino participantes do projeto da 3ª idade (Universidade Aberta a 3ª Idade) e seis idosos da comunidade. O objetivo geral foi investigar sua percepção acerca dos papéis vivenciados ao longo do ciclo vital da família. Foram realizadas entrevistas individuais, as quais foram transcritas e analisadas por temas. O estudo mostra a rigidez dos papéis do homem idoso em nossa cultura, iniciando-se com o papel de filho, tio, irmão, marido, provedor do lar e avô. Esses idosos vieram de famílias tradicionais, onde os papéis eram rígidos e hierarquizados, sem abertura para o diálogo. O filho não tinha voz e o pai era provedor, distante, emocionalmente, e não mantinha um relacionamento de afeto, nem de abertura com os filhos e com a esposa. Essa postura fica clara ao longo dos relatos dos entrevistados. Esses idosos estão reproduzindo em seus relacionamentos a mesma dinâmica familiar de sua família de origem. Em ambos os grupos, a hierarquia ficou clara. A diferença se dá na perspectiva e planos futuros entre os idosos participantes do projeto Reviver e os idosos da comunidade. Enquanto os primeiros se mostraram mais otimistas, os da comunidade demonstraram maior comodismo e falta de perspectiva. Notam-se, também, contradições entre os dois grupos: ambos afirmaram que os idosos antigamente eram mais respeitados e queridos, apesar de haver poucas leis protegendo-os; no entanto, em relação a si mesmos, disseram que os jovens os respeitam e que no relacionamento familiar e social atual não têm do que reclamar. Esperamos que este trabalho possa contribuir para os interessados nas questões da velhice bem como para os que lidam com famílias
Abstract: The more the number of the elderly people, in Brazil and in the world increase, the more important is the achievement of the study and the research in this field which carry out effective ways of intervention which can contribute to drive the human and socials sciences professionals in the attendancing and the setting of services and programs which have got this population as their main objective. The present work comes down to a research carried out in Paulo Afonso City, Bahia interland, with six male elderly who take part in the Third Age Project (Third Age Open University) as well as the community six elderly. The general purpose was to look over their perception about the roles experienced along the vital cycle of the family. Individual appointments were achieved, which were transcribed and analysed by topics. The study shows the strictness from the old men s role in our culture, which begins with the son, uncle, brother, husband, home supporter and grandfather. These old people came from traditional families in which the roles were strict and hierarchicals, without an opening for dialogues among one another. The son had no active voice in the family while the father was the supporter, emotionally far and without setting any affectionate relationship with wife or children. This behaviour is clearly presented along from the interviewers reports. These old people have been reproducing the same family dynamics in their general relationship, as they use to do with their own family. In both groups, the hierarchy was clearly presented. The difference is set up in the perspective and future plans between the Reviver Project old people and the community one. As the first ones show themselves more optimistcs, the community one show some bigger convenience as well as some lack of perspective. We can also realize some contraditions between the two groups: both groups asserted that beforetime they were more respected and beloved, despite of the few laws protecting them; although, they told that nowadays they have been respected by the young and that they shouldn t cry out against the family and the social relationship as well. We hope that this work may be a contribution to the ones who are interested in the old people affairs as well as to the ones who deal with families affairs
Palavras-chave: psicologia clínica
envelhecimento - aspectos psicológicos
idosos - psicologia
idosos - relações com a família
dissertações
clinical psychology
aging - psychological aspects
aged - psychology
aged - family relationships
dissertation
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: SANTOS, Ivanilza Etelvina dos. Aged man: experience of roles during the vital cycle of the family. 2006. 111 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/82
Data de defesa: 10-Feb-2006
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ivanilza.pdf1,78 MBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.