Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/828
Tipo do documento: Dissertação
Título: Aquisição da língua inglesa: curtindo curtas na sala de aula
Autor: Carvalho, Júlio César Brandão 
Primeiro orientador: Melo, Maria de Fátima Vilar de
Primeiro membro da banca: Bernardino Júnior, Francisco Madeiro
Segundo membro da banca: Diniz, Madson Góis
Terceiro membro da banca: Cavalcanti, Wanilda Maria Alves
Resumo: Essa pesquisa propõe a união de duas práticas que podem contribuir para a formação sociocultural de um indivíduo. De um lado a aquisição de uma língua, aqui, a inglesa em contexto escolar, a principal língua estrangeira aprendida na maioria das escolas ao redor do mundo, que é passível de ser reconhecida como língua internacional e vem desempenhando um papel importante com a possibilidade de um indivíduo ser entendido, parcialmente pelo menos, em quase todos os lugares, além de ser a língua predominante da mídia mundial, cinema, televisão, música e do mundo da informática, com ênfase na internet, mesmo em países em que o Reino Unido ou os Estados Unidos historicamente tiveram pouca influência; e do outro, a experiência estética do cinema, aqui representado pelos curtas-metragens, com produções que podem lançar luz sobre questões políticas e espirituais, bem como proporcionar catarses e (novas) perspectivas, abrindo nossos olhos para novas maneiras de pensar, de sentir, de viver e conviver. Além do mais, enfatiza-se que se utilizado adequadamente no contexto escolar, o curta revela-se uma ferramenta fantástica na aquisição da língua inglesa, ao passo que proporciona mais chances de um maior aproveitamento, entendimento, participação e assimilação tornando as aulas mais comunicativas e dinâmicas, indo além do estereótipo de que um filme em sala é apenas uma distração ou enrolação . Dessa maneira, este trabalho tem como objetivo geral investigar curtas-metragens como recurso didático-pedagógico no contexto de ensino e aprendizagem de língua inglesa. Direcionado para a ação e para a autonomia do aluno, busca-se incitar estudantes, professores e profissionais de idiomas a (re)conhecer aspectos linguísticos e extralinguísticos na aprendizagem do inglês, bem como a importância da aliança entre aquisição linguística e cinema para a educação escolar com enfoque natural e comunicativo. A fundamentaçãoteórica se pautou em autores como Chomsky (2006, 1976), Skinner (1957) e outros para uma apresentação sobre aquisição linguística; Krashen (1987, 1985, 1983) e outros para discorrer sobre diferentes abordagens de ensino de idiomas em contextos de aprendizagem formais ou não, com ênfase na Abordagem Natural; Dolz e Schneuwly (2006), Haydt (2006), Hedge (2000) com considerações importantes sobre o uso de audiovisuais em sala de aulas de língua inglesa, inseridos em sequências didáticas; Biskind (2009) e outros para proporcionar uma reflexão acerca de um histórico/evolução do cinema com ênfase nas produções de Hollywood. A utilização dos curtas, como materiais autênticos pode se constituir em uma boa ferramenta para o ensino e aprendizagem de línguas, porque eles são interessantes, usam uma linguagem real, podem ser escolhidos para interesses individuais, ilustram o uso preciso da linguagem na cultura alvo, e podem ajudar os alunos a sistematizar sua fala em relação ao que vêem e ouvem nas telas.
Abstract: This research proposes the union of two practices that can contribute to the sociocultural training of an individual. On the one hand the acquisition of English in educational contexts as the main foreign language learned in most schools around the world, which is likely to be recognized as an international language and has played an important role with the possibility of an individual to be understood, in part at least, in most places, besides being the predominant language of the world media, film, television, music and computers, with emphasis on the Internet, even in countries where the United Kingdom or the United States have historically had little influence; and on the other, the aesthetic experience of the cinema, represented here by short films, with productions that can shed light on political and spiritual issues as well as provide catharsis and (new) prospects, opening our eyes to new ways of thinking, feeling of living and coexisting. Moreover, it is emphasized that if shorts are used properly in the school context, they prove to be a fantastic tool in the acquisition of the English language, while providing more chances for a better use, understanding, participation and assimilation making the lessons more communicative and dynamic, going beyond the stereotype that a film in class is only a distraction or "stalling". Thus, this work has as main objective to investigate the use of short films as a teaching resource in English language acquisition classes. Directed to the action and the autonomy of the student, it seeks to incite students, teachers and language professionals to (re)learn linguistic and extralinguistic skills in learning English as well as the importance of the alliance between language acquisition and film for school education with a natural and communicative approach. The theoretical foundation was based on authors like Chomsky (2006, 1976), Skinner (1957) and others to a presentation on language acquisition; Krashen (1987, 1985, 1983) and others about different languages teaching approaches in formal learning contexts or not, with an emphasis on Natural Approach; Dolz and Schneuwly (2006), Haydt (2006), Hedge (2000) with important considerations on the use of audio-visual in English-speaking classrooms within didactic sequences; Biskind (2009) and others to provide a reflection on a history / evolution of cinema with an emphasis on Hollywood productions. The use of shorts, as authentic materials can constitute a good tool for teaching and learning languages because they are interesting, use a real language, can be chosen for individual interests, illustrate the precise use of language in the target culture, and can help students to systematize his speech about what they see and hear on screen.
Palavras-chave: aquisição da segunda língua
cinema na educação
língua inglesa
comunicação e tecnologia
dissertações
second language acquisition
theater in education
english language
communication and technology
dissertations
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Ciências da Linguagem
Programa: Mestrado em Ciências da Linguagem
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/828
Data de defesa: 16-Mar-2016
Appears in Collections:Ciencias da Linguagem



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.