Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/853
Tipo do documento: Tese
Título: HIV/Aids na velhice : a fala dos idosos soropositivos na cidade do Recife
Autor: Costa, Juliana Monteiro 
Primeiro orientador: Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Primeiro membro da banca: Lima, Albenise de Oliveira
Segundo membro da banca: Melo, Maria de Fátima Vilar de
Terceiro membro da banca: Barbosa, Leopoldo Nelson Fernandes
Quarto membro da banca: Maia, Eulália Maria Chaves
Resumo: Embora a velhice seja uma realidade biológica, os significados que lhe são atribuídos são construções sociais e históricas. O aumento de casos de HIV/Aids entre pessoas acima de 60 anos tem sido reportado por pesquisadores, pois os dados mostram o crescimento de casos proporcionais de HIV/Aids entre idosos comparado com outras faixas de idade. Entre as razões para essa progressão está a desinformação desse público no que se refere ao autocuidado, a maior oferta de fármacos contra disfunção erétil, o baixo uso de preservativos nessa geração e o atraso no diagnóstico. O objetivo deste trabalho foi compreender as repercussões biopsicossociais de conviver com HIV/Aids para idosos na cidade do Recife. Participaram nove idosos (quatro do sexo feminino e cinco do sexo masculino), na faixa etária compreendida entre 60 e 76 anos, residentes na cidade do Recife, que estavam em tratamento e/ou acompanhamento no SAE (Serviço de Assistência Especializada em HIV/Aids) da Policlínica Lessa de Andrade. Foi realizada uma entrevista conduzida de forma semidirigida e organizada a partir de um roteiro previamente estabelecido, que foi gravada e transcrita. As informações colhidas foram analisadas com base na Técnica de Análise de Conteúdo Temática. Os resultados mais expressivos apontaram: o impacto do diagnóstico de HIV/Aids no paciente, acompanhado de sentimentos de tristeza, revolta, culpa, desespero, aprisionamento e medo; preconceito e abandono por parte de alguns familiares, amigos e vizinhos que fazem parte do cotidiano desses idosos; uma dimensão ontológica da sexualidade, rompendo com o estereótipo da velhice marcada pela assexualidade, recolhimento e passividade; as construções de gênero e a representação social da Aids associadas como a doença do outro como fatores determinantes para a percepção da invulnerabilidade ao HIV/Aids entre pessoas desse grupo etário; a espiritualidade como sustentação, dimensão que serve para apaziguar a dor e o sofrimento diante da sorologia positiva para o HIV; saúde física dos idosos comprometida em virtude da destruição progressiva e gradativa das células de defesa do organismo associada às doenças inerentes à velhice; o despreparo por parte da equipe de saúde para lidar com o HIV/Aids nessa faixa etária, ocasionando o diagnóstico tardio. Este trabalho teve, portanto, o intuito de contribuir para iluminar o campo de saberes e práticas que têm como horizonte de preocupações éticas e políticas a diminuição da vulnerabilidade dos idosos ao HIV/Aids.
Abstract: Although aging is a biological reality, the meanings attributed to it are social and historical constructions. The increase in cases of HIV/Aids among people over sixty years has been reported by researchers because the data show an increase in cases proportion of HIV/Aids among older adults compared with other age groups. Among the reason for this increase is the misinformation of this public regarding the self-care, greater avaliability of drugs for erectile dysfunction, low use of condoms in this generation and delayed diagnosis. The objective of this study was to understand the meaning and implications of the biopsychosocial experience of living with HIV/Aids for the elderly in the city of Recife. Participated in nine elders (four females and five males), an age comprised between 60 and 76 years, living in Recife who were in treatment and/or monitoring the SAE (Service Specializing in Assisting HIV/Aids) of Polyclinic Lessa de Andrade. The survey was conducted in a semi-directed, organized from a script previously drafted, which were recorded and transcribed. The most significant results showed: the impact of the diagnosis of HIV/Aids accompanied by feelings of anger, guilt, embarrassment, fear, prejudice and abandonment by family, friends and neighbors that are part of everyday life of the elderly; an ontological dimension of sexuality, breaking the stereotype of old age marked by assexuality, gathering and passivity, the constructions of gender and social representation of Aids associated as the disease of the older as determining factors for the perceived invulnerability to HIV/Aids among people in this age group; spirituality as support, something that came to appease the pain and suffering in the face of positive sorology for HIV; compromised physical health of the elderly due to the gradual and progressive destruction of the body's defense cells associated with old age; lack of preparation on the part of the healthcare team to deal with HIV / AIDS in this age group, resulting in late diagnosis. This work had therefore the aim of contributing to illiminate the field knowledge and practices whose horizon of ethical concerns and policies to reduce vulnerability of the elderly to HIV/Aids.
Palavras-chave: dissertações
psicologia clínica
interação social
homens HIV-positivo - Recife (PE) - relações com a família
mulheres HIV-positivo - Recife (PE) - relações com a família
psicanálise
pessoas HIV-positivo - Recife (PE) - aspectos sociais
discriminação Sexo AIDS (Doença) em idosos - Recife (PE)
dissertations
clinical psychology
social interaction
HIV-positive men - Recife (PE) - relationships with family
HIV-positive women - Recife (PE) - relationships with family
psychoanalysis
HIV-positive - Recife (PE) - social aspects
discrimination
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Doutorado em Psicologia Clínica
Citação: COSTA, Juliana Monteiro. HIV/Aids na velhice : a fala dos idosos soropositivos na cidade do Recife. 2013. 123 f. Tese (Doutorado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, Recife, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/853
Data de defesa: 26-Apr-2013
Appears in Collections:Psicologia Clinica



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.