Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/89
Tipo do documento: Dissertação
Título: Assédio moral no trabalho, sofrimento e impactos na família: estudo com trabalhadores atendidos no CEST (Centro de Especializado em Saúde do Trabalhador), da Prefeitura do Recife/PE, 2007
Autor: Caldas, Laura Cândida Pedrosa 
Primeiro orientador: Melo, Zélia Maria de
Primeiro membro da banca: Mendes, Ana Magnólia Bezerra
Segundo membro da banca: Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Resumo: Este estudo visa compreender o sofrimento do trabalhador, vítima de assédio moral, seu contexto de trabalho e as repercussões em sua família. Especificamente, tem por objetivo descrever o contexto de trabalho dos trabalhadores vitimados; caracterizar as situações de assédio moral e relacioná-Ias com o sofrimento no trabalho; e verificar as repercussões desta forma de violência na família dos assediados. A Psicodinâmica do Trabalho e a Teoria Geral de Sistemas são as principais bases epistemológicas que subsidiam este estudo. A metodologia utilizada foi a pesquisa de natureza qualitativa. Participaram 06 (seis) trabalhadores vitimados, atendidos no CEST -Centro Especializado em Saúde do 1 Trabalhador, órgão da Prefeitura da Cidade do Recife/PE. A técnica utilizada para a coleta dos dados foi a entrevista semi-diretiva ou semi-estruturada. O método foi a Análise de Conteúdo, na perspectiva de Minayo. As respostas obtidas foram categorizadas por temas alinhados aos objetivos propostos, baseando-se na Análise Temática. Os resultados obtidos apontam que a organização do trabalho contribui sobremaneira para as práticas e as reproduções das situações de assédio moral, provocando vivências de sofrimento no trabalhador vitimado. Indicam que o significado do trabalho, considerando sua subjetividade e sua ideologia, sofre alterações de caráter negativo em função da violência vivida, além de causar insatisfação e desmotivação no trabalho. Os sinais de assédio moral, evidenciados nas entrevistas, denotam repercussões negativas na saúde do trabalhador e na família; seja porque o trabalhador vitimado não encontra suporte entre seus entes significativos; seja porque ele reproduz, em sua família, a violência sofrida. É ainda evidenciado, neste estudo, embora extrapolando os objetivos propostos, impactos no desempenho profissional. Os dados obtidos ainda revelam que as organizações não saem ilesas desta forma de violência praticada em sua ambiência. As falas dos participantes indicam que o fenômeno do assédio moral inviabiliza as relações socioprofissionais, aumentam os indicadores de absenteísmo e rotatividade, diminuem a produtividade, além de gerar danos econômicos e financeiros, haja vista que algumas empresas foram condenadas na Justiça do Trabalho. Este estudo pretende, por fim, contribuir para o incremento de novas pesquisas que apontem estratégias preventivas e corretivas para as situações de violência moral no trabalho e que aprofundem, principalmente, acerca das repercussões da organização do trabalho na dinâmica familiar do coletivo de seus trabalhadores.
Abstract: This study aims at understanding the suffering of employees who have been victims of moral harássment, their working context and the repercussions in their families. Its main aims are to objectively describe the working context of victimized employees; characterize situations of moral harassment e relate them to the suffering at work; and check the repercussion of such form of violence in the harassee's family. Work Psychodynamics and General Systems Theory are the main epistemological basis underlying this study. The methodology applied is qualitative. Six victimized employees attended at CEST -Worker's Health Specialized Center which is part of Recife City Hall, located in Pemambuco, Brazil. A semi-directive or semi-structured interview was used to collect data. The method is that of the Contents Analysis under the perspective of Minayo. The answers obtained were categorized according to themes aligned with the objectives proposed having the Thematic Analysis as a basis. The results obtained indicate that the work organization encourages moral harassment practices which bring suffering to the victimized employee. They also indicate that the signification of work, considering its subjectivity and ideology, suffers a negative alteration due to the violence inflicted as well as causes dissatisfaction and decrease of motivation at work. The evidence of moral harassment found in the interviews denote negative consequences to the employee's health and their families. Either because the harassee finds no support among bis or her peers or because he or she reproduces, in bis family, the violence suffered. Although it extrapolates the objectives proposed, it is made evident, in this study, the impact of moral harassment to professional performance. Data collected also reveal that the organizations themselves are also victims of the violence practiced inside their premises. Informants speech indicate that moral harassment hinders socio-professional relationships, increases absenteeism and dismissals, decreases productivity as well as causes economic and financial damages once some companies have been penalized by law. Lastly, this study intends to contribute to the implement of further research which indicate preventive and corrective strategies to situations of moral harassment at the workplace and study more profoundly the repercussion of work organization to the worker's family dynamics.
Palavras-chave: assédio moral - aspectos morais e éticos
assédio no ambiente de trabalho - aspectos psicológicos
psicoterapia familiar
psicologia clínica
dissertações
bullying - moral and ethical aspects
harassment in the workplace - Psychological aspects
family psychotherapy
clinical psychology
dissertation
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Psicologia Clínica
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica
Citação: CALDAS, Laura Cândida Pedrosa. Assédio moral no trabalho, sofrimento e impactos na família: estudo com trabalhadores atendidos no CEST (Centro de Especializado em Saúde do Trabalhador), da Prefeitura do Recife/PE, 2007. 2008. 208 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica) - Universidade Católica de Pernambuco, REcife, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/89
Data de defesa: 17-Jun-2008
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File SizeFormat 
pre-textuais.pdf4,37 MBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.