Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/902
Tipo do documento: Dissertação
Título: Era uma vez, há muito tempo atrás... : a repetição do conflito psíquico e a construção mítica do sujeito a partir dos contos de fadas
Autor: Creder, Talita Raquel Araújo 
Primeiro orientador: Frej, Nanette Zmeri
Primeiro coorientador: Melo, Maria de Fátima Vilar de
Primeiro membro da banca: Andrade, Fernanda Wanderley Correia de
Segundo membro da banca: Advíncula, Iaraci Fernandes
Resumo: Esta pesquisa surgiu do trabalho clínico com crianças, no qual, os contos de fadas foram trazidos, freqüentemente, na narrativa de suas fantasias. Tem como principal objetivo, investigar esses contos como um lugar de endereçamento que captura o sujeito ao fazer falar sua fantasia, na repetição do seu conflito psíquico, construindo assim, o seu mito individual. Especificamente, relacionar os mitos com os contos de fadas, e esses, com o conflito psíquico do sujeito e investigar, à luz da Aufhebung freudiana, como a criança, através da repetição, na relação transferencial, constrói o seu mito individual. Este trabalho focaliza a construção do mito individual, a partir dos mitos coletivos, especialmente, aqueles que se fazem presentes nos contos de fadas. Esse processo de interposição do coletivo ao individual e viceversa é sustentado pelo movimento da Aufhebung freudiana proposta por Frej (2003) que vai criando espaços e fronteiras, muitas vezes, atenuando-as, de modo que elas se dissolvem e desaparecem, possibilitando a interposição desses mitos. Os contos se constituem como um lugar de endereçamento que captura a criança ao narrarem suas fantasias, fazendo-se emergir o sujeito do inconsciente, por meio dos equívocos que a narrativa oral propicia, já que esses contos são constituídos de elementos primitivos que remontam o conflito psíquico. A criança e o adulto, na perspectiva psicanalítica, não se diferenciam no que diz respeito a questão do infantil, na medida em que, o sujeito que se encontra em processo analítico, traz o infantil como elemento fundador de sua demanda analítica. Na clínica com crianças a relação transferencial é atravessada pela demanda dos pais, e se torna bastante peculiar no que diz respeito à criança, embora, em termos conceituais, essa transferência, não se diferencie. A Transferência que se estabelece entre a criança e a psicoterapeuta propicia o processo de repetição do conflito psíquico e a construção do mito individual. Esta dissertação se constitui como uma pesquisa teórica em psicanálise com pequenas ilustrações de fragmentos clínicos e pertence ao projeto Limites, fronteiras e endereçamento entre mãe e criança, da Prof. Dra Nanette Frej da Universidade Católica de Pernambuco. Neste tipo de pesquisa, o pesquisador está imbricado de forma mais próxima e se inclui também na relação transferencial com o sujeito investigado, uma vez que este é compreendido em sua singularidade.
Abstract: This research arose from clinical work with children, in which fairy tales were brought, often in the narrative of their fantasies. It has as main objective, to investigate the fairy tales as a place of address that captures the subject by making him talk about his fantasy, in the repetition of his psychological conflict, creating his individual myth. Specifically, relating the myths to the fairy tales, and those with the subject´s psychic conflict and investigating it, in the light of Freudian Aufhebung, as a child, through repetition, in the transferencial relation, builds its personal myth. This work focuses on the construction of the individual myths, from the collective myths, especially those present in fairy tales. This process of bringing an individual to collective and vice versa is supported by the movement of the Freudian Aufhebung proposed by Frej (2003) creating spaces and frontiers, often reducing them, so they dissolve and disappear, toning down them, so that they dissolve and disappear, enabling to interpose those myths. The stories are like a place that captures the child when telling his fantasies, emerging the unconscious subject, through the mistakes provided by oral narrative, as those tales are constituted of primitive elements that date back to psychic conflict. Child and adult, in a psychoanalytic perspective, does not differ when it comes to child issue, in a way that the subject who is in the analytical process, brings the child as a founder of his demand system. In the clinic with children, the transferencial relation is crossed by the demand of parents, and becomes quite peculiar as regards the child, although in conceptual terms, this transfer does not differentiate. The transfer that is established between the child and the psychotherapist makes the process of repetition of psychic conflict and the construction of the individual myth. This dissertation is constituted as a theoretical research in psychoanalysis with small illustrations of clinical fragments and belongs to the project Limites, frontiers and addressing between mother and child, from Professor. Dr Nanette Frej of the Universidade Catolica de Pernambuco. In this kind of research, the researcher is overlapped so close that he also includes himself in the transferencial relation with the investigated subject, as it is understood in their uniqueness.
Palavras-chave: clinical psychology
child psychology
child analysis
myth
language psychology
dissertation
psicologia clínica
psicologia infantil
psicanálise infantil
mito
linguagem (psicologia)
dissertações
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA#
#3411867255817377423#
#600
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Católica de Pernambuco
Sigla da instituição: UNICAP
Departamento: Departamento de Pós-Graduação#
#-8854052368273140835#
#500
Programa: Mestrado em Psicologia Clínica#
#2996970088605564627#
#500
Citação: CREDER, Talita Raquel Araújo. Era uma vez, há muito tempo atrás...: a repetição do conflito psíquico e a construção mítica do sujeito a partir dos contos de fadas . 2009. 102 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Católica de Pernambuco. Pró-reitoria Acadêmica. Mestrado em Psicologia Clínica, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unicap.br:8080/handle/tede/902
Data de defesa: 24-Aug-2009
Appears in Collections:Psicologia Clinica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dissertacao_talita_raquel_araujo_creder.pdfDissertação na íntegra1,02 MBAdobe PDFView/Open ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.preview???


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.